Matilde, a bilingue (e com o tempo poliglota)

rosaparks
Sempre soube que quando tivesse um filho(a), ele ou ela iria começar a falar italiano desde tenra idade.
Tenho família e amigos em Itália, que não falam português e que são extremamente importantes na minha vida, e não quero que a minha filha tenha a “barreira” da língua para comunicar com pessoas que me fazem tão bem.
Na passada 6ª feira o carteiro trouxe-me esta surpresa maravilhosa oferecida pela Zia G e Zio F e aí ainda tive mais certeza de que ela teria que aprender italiano… E não podia começar com melhor livro de histórias para adormecer.
Quem sabe ela não sera a 101ª mulher rebelde da História 😉
Grazie di cuore Zia G e Zio F
bilingue
Love
C
P.S- Depois mais lá para a frente,  com o pai poliglota que tem, introduziremos outras línguas…inglês, francês, espanhol, crioulo (todos), mandarim, árabe, e por aí adiante 😉

Leave a Reply